E3

E3 2015: chegue mais!

0
342

A Electronic Entertainment Expo, ou E3, está se aproximando. A edição 2015 acontece no Los Angeles Convention Center, nos EUA, entre os dias 16 e 18 de junho. É a melhor oportunidade para que as produtoras mostrem seus novos projetos, com vídeos de anúncios e demonstrações jogáveis. É a chance de trazer o olhar do público para si, e as empresas sabem que a feira é crucial para os resultados de seu planejamento. Com esse conhecimento, muitas produtoras de peso, como Electronic Arts, Ubisoft, Activision e Square Enix são presença garantida no evento.

O Tudo Geek traz para vocês, então, os possíveis games que estarão presentes na E3. É válido lembrar que nem todos os games listados aqui são uma certeza, visto que esta é uma época de especulações no mundo dos games.

Activision

3005826189_48a92d3ef7_o

Call of Duty Black Ops 3: o game já fora anunciado, mas quem sabe não teremos um gameplay exibido na feira.
Destiny: o jogo mais viciante de 2014 terá uma nova expansão anunciada. Acredita-se que se chamará The Taken King.
Guitar Hero Live: a ressurreição da franquia musical, desta vez em live action.
Skylanders SuperChargers: a franquia dos bonecos interativos da Activision estará na feira, e promete novidades como veículos in-game. Vamos ver o que mais podem anunciar.

2K Games

Battleborn: novo jogo dos criadores de Borderlands.
Borderlands 3: com o sucesso alcançado por Borderlands 2, era inevitável que a série ganhasse um novo jogo.
XCOM 2: continuando a matar ETs em combates de turno, XCOM 2 é um exclusivo de PC.

Electronic Arts

Mass Effect 4: poucas informações foram divulgadas sobre o game. Na verdade, o que se sabe é que estão trabalhando no projeto. O resto é puramente especulação.
Star Wars Battlefront: a ansiedade mata qualquer fã de Star Wars e da franquia Battlefront. A esperança de ver um trailer de jogabilidade é imensa, e quem sabe uma demonstração jogável.
Star Wars: há outro game da saga Star Wars sendo preparado, sendo este desenvolvido pela Visceral Games. Não há informações profundas sobre o game.
Mirror’s Edge 2: a nova aventura de Faith foi anunciada dois anos atrás, mas os fãs anseiam por novas informações e uma possível data de lançamento.

Ubisoft

Ubisoft-Brasil

Assassin’s Creed Syndicate: anunciado recentemente, mas planejado desde sempre (na minha opinião). E segurem-se, pois ainda penso que Assassin’s Creed é uma série infinita, e o próximo será anunciado com um trailer dentro de Syndicate.
Tom Clancy’s The Division: o shooter em terceira pessoa e MMO da Ubisoft foi adiado para 2016, mas ela sempre leva novas informações para a E3. Acredita-se que não será diferente na edição 2015.
Tom Clancy’s Rainbow Six Siege: a série de FPS tático chega para trazer gás aos shooters competitivos, trazendo mais estratégia do que nunca, coordenação de equipes fundamental para vencer e cenários destrutivos para ampliar o leque de ações dos jogadores, tornando cada partida única.

Warner Bros. Interactive

Batman Arkham Knight: o fechamento da trilogia do Morcego, produzida pela Rocksteady, será lançada uma semana após a E3, mas isso não impede que a Warner leve seu maior lançamento para o evento.
LEGO Jurassic World: outra franquia que parece ser imortal é a franquia de jogos LEGO. LEGO Jurassic World chega embalado junto com o novo filme, Jurassic World, e a Warner não vai perder a chance de fazer os fãs gastarem uma graninha com o game. PS: eu admito que LEGO é muito divertido, independente do game.
LEGO Dimensions: o maior concorrente de Minecraft, possivelmente. Bloquinhos LEGO são mais divertidos. Na minha opinião. Só estou dizendo.
Mad Max: uma aposta da Warner com a produtora Avalanche Studios. Vai precisar lidar com as expectativas de quem gostou do longa Mad Max: Estrada da Fúria. É um hype adicional que pode fazer bem (ou mal) ao game.

Square Enix

Deus Ex: Mankind Divided: continuação de Human Revolution, Mankind Divided vai saciar aqueles que gostam de RPGs densos e com boas histórias. Pelo menos assim esperamos.
Just Cause 3: continuação do jogo que eu mais joguei no meu PlayStation 3, e minha próxima aquisição da produtora. Just Cause 3 vai ser ainda mais explosivo e frenético que o segundo jogo da série.
Kingdom Hearts 3: apenas queremos este game, pra ontem, porque sim.

Sony

Uncharted 4: A Thief’s End: infelizmente, o game foi adiado para 2016, as espera-se que mais trechos de jogabilidade sejam mostrados.
Until Dawn: jogo de terror pra dar calafrios, estremecer dos pés à cabeça. Quem sabe um exclusivo de peso para o PS4.

Microsoft

Crackdown: pode vir a ser uma continuação, e também um reboot. Vamos ver como a Microsfot vai lidar com a franquia.
Forza 6: alguns dizem que esta é a versão completa de Forza 5, onde não houve pressão da Microsoft para que o game ficasse pronto.
Gears of War Project: o nome não é definitivo, mas é certeza de que o próximo Gears of War será um exclusivo fortíssimo do Xbox One. Espera-se muito que novas informações sobre o projeto sejam divulgadas, e quem sabe um trailer, pelo menos.
Halo 5 Guardians: ninguém duvida que será um sucesso, mas seria interessante ver um gameplay do modo campanha.
Quantum Break: mais um exclusivo que foi adiado para 2016. Bem que poderiam soltar mais informações e a data de lançamento definitiva do game.
Rise of the Tomb Raider: a continuação da aventura de Lara Croft após o reboot de 2013 é um dos exclusivos da Microsoft para alavancar as vendas do Xbox One. (PS: sim, é um exclusivo temporário)
Scalebound: dragões melhoram qualquer jogo. Particularmente, aguardo ansioso um trailer de jogabilidade deste game.

Nintendo

Mario Maker: fazer fases com os temas da franquia e compartilhá-las online: um sonho de todo fã.
Shin Megami Tensei X Fire Emblem: crossover de duas franquias muito amadas. Um exclusivo interessante para os donos de Wii U.
Star Fox for Wii U: um game pra redimir a consciência de quem comprou um Wii U mas tem pouquíssimos exclusivos de peso.
Xenoblade Chronicles X: JRPG pra fazer qualquer jogador tirar a poeira do Wii U, que não é ligado desde que Super Smash. Bros foi terminado por completo.
Yoshi’s Wooly World: um jogo pra nenhum fã colocar defeito. O estilo artístico será como bonecos de pano, que promete trazer um tom fofo e leve como em seus antecessores, porém com um ar de novidade.

Algumas empresas terão conferências próprias antecedentes à E3, como Sony, Microsoft e Bethesda. A ansiedade é algo surreal para os gamers, principalmente porque há sempre a possibilidade de surpresas surgirem durante as apresentações.

Muitas franquias de peso ainda não deram as caras, mas muita coisa pode surgir. Notícias sobre Silent Hills e um possível renascimento do projeto, assim como detalhes sobre God of War 4 e, quem sabe, um novo Crash. Jogos de esporte para próxima temporada também podem ser anunciados. Doom 4 é outro game que a Bethesda pode trazer, assim como informações sobre Fallout 4. Não podemos nos esquecer da Capcom. A gigante pode vir com boas cartas na manga, como um novo capítulo numerado de Resident Evil e até mesmo um novo Devil May Cry. Se os deuses permitirem, podemos ver até mesmo um novo projeto relacionado à Mega Man.

Grande parte acaba ficando nas especulações. A certeza geral é que o evento será grandioso, e acreditamos que será um sucesso, trazendo novos ares para os gamers de plantão, assim como muita ansiedade por conta do que for anunciado.

Fiquem ligados no Tudo Geek para mais informações e para uma cobertura completa da E3. Grande abraço a todos, e até a próxima.

VIA

Deixe uma resposta